Pesquisar Apaes

Você deseja ir para qual instituição Apae? Clique nas setas para visualizar as opções.

Estado

Unidade

Darci Fioravante Barbosa recebe homenagem póstuma pelo Conselho Deliberativo do Prêmio Brasil Mais Inclusão

O Conselho Deliberativo do Prêmio Brasil Mais Inclusão 2017 concedeu homenagem póstuma na categoria “Personalidades e Entes Federados” à esposa do Presidente da Federação das Apaes do Estado de Minas Gerais (Feapaes-MG) e Deputado Federal Eduardo Barbosa, Darci Fioravante Barbosa, ex-superintendente da Apae Belo Horizonte e Consultora Técnica da Feapaes-MG, falecida em acidente de automóvel no dia 30 de julho.

O Conselho Deliberativo do Prêmio Brasil Mais Inclusão 2017 concedeu homenagem póstuma na categoria “Personalidades e Entes Federados” à esposa do Presidente da Federação das Apaes do Estado de Minas Gerais (Feapaes-MG) e Deputado Federal Eduardo Barbosa, Darci Fioravante Barbosa, ex-superintendente da Apae Belo Horizonte e Consultora Técnica da Feapaes-MG, falecida em acidente de automóvel no dia 30 de julho. 

Na reunião desta quarta-feira (9), a Segunda Secretária da Câmara, Mariana Carvalho (RO), pediu um minuto de silêncio e anunciou a homenagem. Além da concessão do prêmio especial, a partir do próximo ano, ele passa a se chamar Darci Barbosa.

“Em homenagem ao seu trabalho e sua história”, disse a deputada. Ela reiterou o carinho e a gratidão pela história de vida e trabalho em prol das pessoas com deficiência. “Aqui é um exemplo de luta e hoje retribuímos com essa singela homenagem à nossa querida Darci”, disse a parlamentar.

Emocionado, Eduardo Barbosa disse da surpresa em receber essa homenagem – com o aval de todos os membros da Comissão – e dos que votam o Prêmio Brasil Mais Inclusão. “São esses gestos que demonstram que companheirismo não passa em vão. Desde que voltei tenho recebido o carinho de todos”, reiterou.

Reafirmando a surpresa com tantas manifestações de carinho, disse que elas o fazem se sentir reconstituído. Para ele, a sensação é de ter perdido o par: “perdi meu par e eu nem sabia que vivia pareado mesmo”, disse. Em breve eles fariam 35 anos de casados.

O parlamentar lembrou que foi Darci quem o levou para o movimento das Apaes. E, além disso, sempre o abastecia com os novos conceitos, informando os avanços que ocorriam nas áreas relacionadas a pessoas com deficiência, inclusive no exterior.

“Ela me abastecia, me atualizava no dia a dia e muitas defesas que fiz aqui eram inspiradas por ela”, afirmou.

Fonte: PSDB na Câmara

Endereço:
Rua Bueno Brandão, 14. • Belo Horizonte • MG
E-mail:
[email protected]
Telefone:
(31) 32916558